A Disney anunciou na terça-feira que irá lançar o seu próprio serviço de streaming em 2019 que se tornará o novo lar de filmes Walt Disney Studios, Pixar, Marvel, Lucasfilm e outros sob a sua alçada. Esses filmes de 2019 irão incluir “Toy Story 4”, a sequela de “Frozen” e o remake com acção ao vivo de “The Lion King”.

O CEO da Disney, Bob Iger, disse à CNBC que, enquanto a Disney tem um “bom relacionamento” com a Netflix, a sua empresa vai exercer uma opção no seu acordo para deixar o serviço. Os filmes irão permanecer no serviço até o final de 2018, enquanto os programas de televisão Marvel, como “Daredevil” e “The Defenders”, irão permanecer no Netflix, informa CNBC.

Esta é uma grande mudança para a Disney, que primeiro anunciou este acordo com a Netflix em 2012 para tornar este serviço a casa exclusiva para os seus filmes a partir de 2016. Esses filmes começaram a aparecer no Netflix em Setembro de 2016.

Vindo muito mais cedo do que o serviço de filmes, será um lançamento de lançamento de vídeo da marca ESPN no início de 2018, também anunciado pela Disney Tuesday.

Diz-se que este serviço apresenta 10.000 jogos e eventos por ano, incluindo os da Major League Baseball, Major League Soccer e esportes universitários. O serviço também irá permitir comprar pacotes de desporto individuais da MLB.TV, NHL.TV e MLS Live.

Ambos os serviços foram revelados como parte do anúncio da Disney de que está a adquirir a participação maioritária da BAMTech, LLC, uma empresa de serviços de internet e streaming de internet da MLBAM.

COMPARTILHAR
Enfermeira mas sempre a pensar em tecnologia. Assim, no Tekgenius, não irão faltar notícias sobre as mais recentes tecnologias, principalmente na área de IoT e Android.

DEIXE UMA RESPOSTA