Depois de muitas fugas de informação, o Honor V20 ou View 20 é finalmente oficial e parece um dos mais modernos smartphones do momento. Adoptando o Kirin 980 e um ecrã perfurado onde se encontra a câmara, além de contar ainda com uma câmara principal de 48MP, o Honor View 20 certamente não pode deixar de nos impressionar. Tudo isto já estava praticamente confirmado há diversos dias, mas a oficialização não deixou de trazer igualmente surpresas.

Chama-se “nanolitografia” e, segundo a Honor, é a primeira vez que é utilizada num smartphone. A Huawei e a Honor têm sido bastante experimentalistas quanto aos acabamentos dos seus smartphones e a nanolitografia é mais um passo na obtenção de uma superfície distinta e durável. A litografia é um processo já bastante comum de texturização de superfícies metálicas através de um conjunto de técnicas que podem incluir banhos em ácidos ou laser, nos processos mais avançados. No caso da nanolitografia, falamos de texturas inferiores a 100nm. Estas são estruturas tão pequenas poderão ser imperceptíveis para o olho humano, mas os seus efeitos luminosos poderão sim, ser percepcionados.

O exterior do Honor V20 é uma surpresa, pelo menos para mim. Esperava um look ao estilo do Nova 4, reminiscente do Huawei P20 Pro, mas a Huawei trocou as voltas e colocou os dois módulos na horizontal. Pessoalmente prefiro na vertical, com o lettering igualmente na vertical, mas não me vou queixar. À frente temos um ecrã FullView 3.0 que prima por rebordos extremamente reduzidos e um rácio de 91.8%. A unidade possui além do mais 6.4 polegadas e resolução FHD+.

Em termos de processamento, o Honor View 20 será o mais potente Android do momento, fora o Huawei Mate 20, graças à inclusão do mesmo Kirin 980, neste caso com 6 ou 8GB de RAM e 128GB de armazenamento interno. Uma versão especial Moschino terá algo mais, com 256GB de armazenamento interno. Se na performance nada pode ser criticado, a Honor quis ir mais longe, e equipou o V20 com um sistema de refrigeração NINE por líquido que permite dissipar o calor de modo mais eficiente, independentemente se este é gerado pelo processamento, pelo carregamento, ou pela câmara. Com estas soluções, a Honor certificou o terminal via Tell Labs que testaram a performance, dissipação de calor e autonomia, para destacarem que o V20 poderá oferecer uma experiência de gaming superior à de um PC, podendo inclusivamente ser ligado a um teclado e um monitor para se tornar realmente um computador de recurso.

No campo das fotografias, o Honor View 20 conta com uma excelente câmara de 48MP, e uma câmara estéreo ToF para realidade aumentada, permitindo truques como medição de distâncias, reconhecimento de estrutura óssea ou renderização 3D de corpos. À frente, uma câmara de 25MP deverá capturar excelentes selfies.

O Honor V20 inclui igualmente a nova tecnologia Link Turbo que combina os sinais LTE e WiFi para downloads mais rápidos do que qualquer uma das duas tecnologias isoladamente. É expectável que a tecnologia chegue a mais dispositivos Huawei, sendo de manifesto interesse para os utilizadores, mas para já o Honor V20 é o único dispositivo com ela.

Finalmente, o Honor View 20 conta com uma bateria de 4,000mAh com carregamento rápido de 4.5V/5A e Android Pie OS.

Lançado agora na China, o Honor View 20 deverá ser oficializado globalmente no próximo dia 22 de Janeiro em Paris.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here