O Tokyo Motor Show está quase a chegar, e a Toyota tem uma surpresa preparada para o evento. Tudo indica que a Toyota vai apresentar um novo concept car, o Fine-Comfort Ride. A particularidade deste carro é o seu depósito de combustível esta preparado para aguentar cerca de 1000 Km. Mas também conta com um combustível diferente do habitual, já que este carro vai ser movido a hidrogénio. Se está preocupado a pensar como o vai reabastecer a Toyota afirma que apenas precisa de 3 minutos, uma agradável surpresa.

Este conceito parece vindo do futuro, é um monovolume como nunca antes se viu, com linhas bastante arrojadas, que enfatizam o espaço disponível no seu interior para o total conforto dos seus passageiros. A Toyota deu-lhe uma configuração dos bancos muito pouco convencional. Todos os bancos são individuais e a sua orientação pode ser mudada de modo a tornar possível transformar este carro numa pequena sala de reuniões, como se todos os passageiros estivessem à volta de uma mesa invisível.

Também conta com um assistente pessoal integrado no computador de bordo do veículo e nas janelas dos passageiros, para uma experiência multimédia completa. Os motores do veículo também se encontra num lugar fora do comum: vão estar integrados nas rodas do veículos permitindo um funcionamento mais silencioso segundo afirma a Toyota.

Todo o veiculo é um espaço aberto não havendo nenhum tipo de estruturas a separar os bancos da frente dos bancos de trás. A visão da Toyota sobre o Fine-Comfort Ride é muito futurística e engraçada, embora provavelmente não seja particularmente realista.

Se este conceito não vos entusiasmou o suficiente fiquem descansados que a Toyota deverá ter muito mais para mostrar no Tokyo Motor Show que se realiza já na próxima semana. Fique atento para revelações maiores e – espero – mais conceitos interessantes.

VIATechCrunch
COMPARTILHAR
Sou estudante de Engenharia Electrotécnica e de Computadores do Instituto Superior Técnico. Desde cedo ganhei um gosto pelas novas tecnologias e a comunidade tecnológica, como tal não podia deixar de abraçar este projecto!

DEIXE UMA RESPOSTA