O Chrome OS é um dos sistemas operativos mais seguros do mercado. As actualizações automáticas do sistema, a inicialização verificada e a criptografia da unidade do sistema mantêm o seu Chromebook protegido contra ataques. A maioria dos modelos também usa um Trusted Platform Module, ou TPM, para gerar as chaves encriptadas que protegem os dados locais.

Infelizmente, nada é 100% seguro e o mesmo é verdadeiro para alguns Chromebooks. Investigadores de segurança descobriram recentemente um bug em certas versões do firmware do Infineon TPM, que permite que os hackers potencializem um Chromebook para obter dados encriptados. Felizmente, o alcance da vulnerabilidade é limitado, uma vez que os investigadores estimaram que iria demorar muito tempo até conseguirem fazê-lo numa única chave.

O bug potencialmente afecta todos os Chromebooks que usam o mais recente chip Infineon TPM.

Devido ao funcionamento do módulo TPM, a actualização do firmware exige que o utilizador formate o computador, por isso a Google decidiu fazer desta actualização opcional.

Infelizmente, limpar o seu Chromebook é mais uma dor com todas as aplicações Android, uma vez que a maioria delas não fazem backup dos dados de utilizador para a cloud, como o resto do sistema operativo.

COMPARTILHAR
Enfermeira mas sempre a pensar em tecnologia. Assim, no Tekgenius, não irão faltar notícias sobre as mais recentes tecnologias, principalmente na área de IoT e Android.

DEIXE UMA RESPOSTA