A Google fez tudo silenciosamente, mas a Internet tudo sabe, tudo descobre: a Google adquiriu uma desconhecida startup britânica, a Redux. A sua especialidade? Emissão de som via ecrãs, em vez dos tradicionais altifalantes.

Vivemos numa era de ecrãs de rebordos mínimos, sem espaço para som tradicional, não somente em termos do auscultador, mas também em relação ao áudio de multimédia para filmes e jogos. Consequentemente, o áudio tem sido a maior vítima da popularidade destes novos ecrãs, uma certa ironia que nos força a ter a melhor qualidade de vídeo de sempre, sem um áudio capaz de o acompanhar.

A Google quer mudar isso, não fosse um dos principais fornecedores de serviços de vídeo para mobile, e não estivesse a lutar arduamente para ser um verdadeiro player no hardware, com o desenvolvimento do seu primeiro chip e a aquisição de parte da HTC.

O que a Redux promete

A tecnologia da Redux permitiria eliminar os altifalantes tradicionais. Para termos clareza entre nós, dispositivos como o Xiaomi Mi Mix já recorrem a tecnologia de transmissão de som por ressonância através do ecrã.

A Redux quer ir mais longe e emitir todo o áudio através da tela OLED do smartphone, o que eliminaria aberturas, facilitando o isolamento dos smartphones contra água e poeira.

Ora, tal como já vimos na Sony A1 em 2017, e agora na AF8, a possibilidade de emissão de som através do ecrã também permitiria refinar o áudio a uma cena de cinema, com deslocação da intensidade para diferentes quadrantes conforme as necessidades dramáticas da cena.

A Redux declarou anteriormente que a tecnologia estaria pronta para chegar ao mercado em smartphones em 2018. O que significa isso ao certo não é totalmente claro, mas potencialmente poderemos ver a tecnologia a chegar aos próximos Pixel, no final deste ano.

Será importante ver como se adaptam as restantes marcas, principalmente a Sony que já possui uma tecnologia semelhante, mas ainda faltará que a consiga miniaturizar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here