A HP revelou recentemente um novo visual para a família Omen, incluindo um logótipo mais abstrato, e agora chegam os Omen 15 que também fazem história ao serem os primeiros membros desta conceituada família de gaming a poderem ser configurados com chips AMD.

Portanto, sim, podemos escolher o nosso sabor entre o máximo de um Intel Core i7-10750H ou um AMD Ryzen 7 4800 CPU, com a gráfica de topo a ser uma NVIDIA RTX 2070 Super Max-Q.

O ecrã de 15.6 polegadas também pode ser configurado à escolha do utilizador, entre um IPS LCD FHD, com opções por um painel de 144hz ou um de 300Hz, mas também um painel UHD IPS LCD com 120Hz. Existe ainda uma opção por um painel OLED.

Quanto à memória e armazenamento podemos contar com um máximo de 32GB de RAM e até um 1TB NVMe M.2 SSD em uma ou duas unidades. Em termos de bateria, a HP oferece até 12.5 horas de utilização em tarefas que não jogos, mas isso vai depender muito também do ecrã que escolherem na vossa configuração.

Portanto, não podemos acabar sem mencionar o design dos novos HP Omen 15. A HP está a ir numa direção muito mais elegante para os seus equipamentos de gaming, e as linhas mais formais destes Omen, juntamente com o logótipo de tom azulado, são muito menos agressivas que os vermelhos e cortes em diamante predominantes há pouco tempo atrás. São computadores de gaming para os utilizadores institucionais, que já cresceram o suficiente para terem um emprego e provavelmente querem usar estes equipamentos no escritório, mantendo o ar sério e gosto desta nova postura.

Isto poderá ter ajudado a HP a optimizar a ventilação destes dispositivos. Função sobre forma, certo? As saídas de ar são maiores e servidas por uma ventoinha de 12V, enquanto a HP introduz também um sensor infravermelhos para monitorização da temperatura.

O HP Omen 15 começa nos $999 na sua versão mais despida, mas os preços para Portugal ainda estão por.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here