Apesar de ter sido neste Verão passado que a Razer actualizou o sua gama Blade Stealth, a marca achou por bem fazer uma alteração nas possíveis configurações do seu já existente portátil com a adição de um novo processador intel mais recente de oitava-geração, o quad-core i7. Contudo, apenas se encontra disponível no modelo de 13,3 polegadas, ficando o modelo de 12,5 polegadas excluído.

O novo processador é um Intel i7-8550U, com o tempo de relógio a 1,8 GHz, podendo atingir até 4,0 GHz quando este necessita de um pequeno boost de performance. De resto o Blade Stealth continua igual ao modelo anteriormente apresentado em Junho. Tem o mesmo ecrã de 13.3 polegadas com uma resolução de 3200 x 1800, 16 GB de memória RAM, contudo para já em termos de cores apenas se encontra disponível o modelo em preto clássico, ficando o modelo cinzento metálico excluído.

Mas as novidades não se ficaram por aqui, para além do update ao Blade Stealth, a Razer também introduziu uma nova versão do seu hub, que permite ligar uma GPU externa ao seu Razer, transformando o mesmo num autentico computador fisico, tirando total partido da leveza de um portátil e da potência de um GPU externo a sua escolha quando ligado ao mesmo. Este novo hub tem agora o nome de Razer Core V2. Apesar da pouca criatividade para a escolha do nome, este novo hub sofreu uma generosa actualização do design interno de modo a poder ligar uma placa gráfica de maiores dimensões. Também tem uma nova característica, uma saída dupla Thunderbolt 3 que a Razer afirma que vai permitir uma maior fluidez, separando a informação da gráfica entre os dois conectores. Este hub também oferece 4 entradas USB e um porta Ethernet.

O Blade Stealth quad-core vai ter um custo de 1,699$, para a versão de 512GB PCIe SSD, e já se encontra disponível. O Core V2 vai custar 499$, sem incluir a placa gráfica, e vai começar a ser comercializado num futuro muito próximo.

COMPARTILHAR
Sou estudante de Engenharia Electrotécnica e de Computadores do Instituto Superior Técnico. Desde cedo ganhei um gosto pelas novas tecnologias e a comunidade tecnológica, como tal não podia deixar de abraçar este projecto!

DEIXE UMA RESPOSTA