Os fotógrafos vivem hoje na era digital, com as fotografias a passarem de dispositivo em dispositivo até chegarem à publicação final sem tocarem em papel. Neste mundo, a qualidade da fotografia está muito dependente da qualidade do ecrã em que a visualizamos, e posso dizer que a qualidade real de uma imagem só mesmo em papel acaba por poder ser aferida.

Existem inúmeras razões para imprimirmos fotografias, na verdade, já que a fotografia se faz hoje em dia também dos baixos volumes localizados, para os quais é importante o fotógrafo ter alguma independência, face às margens de lucro pouco expressivas. A PIXMA TS9050 não é exactamente uma impressora fotográfica, mas adopta alguns mecanismos das impressoras fotográficas dedicadas, nomeadamente a opção por seis tinteiros independentes, incluindo tinteiros de pigmentos cinza e negro.wp-image-1030248185.jpg

Entretanto, apesar de só contarmos com uma quantidade limitada de 100 páginas por remessa, a PIXMA TS9050 é capaz de imprimir em formatos típicos da fotografia, como 10×13 sem margens, o que a torna ideal de um modo geral para impressão de conteúdos pesados em grafismo, como catálogos, livros, portefólios ou fotografia propriamente dita. Com isto, a PIXMA TS9050 tem a possibilidade de ser extremamente atraente para artistas gráficos e digitais no geral.

Tratando-se de uma impressora doméstica – não obstante ser uma topo de gama – a PIXMA TS9050 peca apenas pelo pouco volume de trabalho, mas surpreendeu durante a utilização pela celeridade com que imprime uma fotografia complexa em A4 sem margens em menos de meio minuto. O resultado da impressão é tão bom quanto a qualidade do papel utilizado, e incrivelmente detalhado, com cores vivas e bem conseguidas.wp-image-111513281.jpg

Complementarmente, os tinteiros específicos para monocromático são uma adição muito bem-vinda, já que conseguimos impressão a preto e branco puro, com amplo detalhe e sem cores espúrias quando olhados ao pormenor, ou sem problemas de fixação do pigmento como pode acontecer. Este ponto será de facto fundamental para muitos utilizadores, e é uma área em que a TS9050 se destaca.

A destacar ainda a simplicidade e polivalência da impressora, que pode imprimir directamente a partir do smartphone, ou estabelecer ligações com e sem fios com dispositivos periféricos. A parte mais complexa será mesmo montar todos os componentes, incluindo os dois tabuleiros específicos para o papel normal, ou para as tarefas fotográficas, porque mal a impressora esteja com o hardware pronto, a impressão é do mais simples que há.

Esta combinação de celeridade de impressão com qualidade do produto final estará ao nível de exigência dos profissionais da imagem e aficionados, e todos aqueles que, de um modo geral, necessitam de impressão de elevada qualidade de baixo volume. A PIXMA TS9050 é além disso bastante compacta e pouco intrusiva, podendo recolher todos os tabuleiros rapidamente e encaixar-se num espaço reduzido, e mostrando-se razoavelmente silenciosa durante a impressão.

 

DEIXE UMA RESPOSTA