Para os criativos em movimento e mesmo os estudantes que não requerem capacidade de processamento extrema, mas necessitam absolutamente de facilidade para colocar as suas ideias em prática, compor documentos, trabalhos e simplesmente relaxar com uma série nas horas mortas, há um tipo de computador que lhes assenta como uma luva: o conversível 2-em-1 compacto. E hoje falamos de um que será realmente uma escolha muito apelativa para quem não tem exigências de maior, já que combina funcionalidades completas com um preço atraente e uma bateria capaz de durar o dia todo: o Lenovo Miix 320.

Características principais

Processador: Intel Atom x5-Z8350 (1.44GHz 2MB)
Sistema operativo: Windows 10 Home
RAM: 4.0GB DDR3 1600 MHz
Armazenamento: 64GB eMMC
Ecrã: 10.1″ FHD+ IPS LED
Placa gráfica: Intel HD Graphics 400, memória partilhada
Wi-Fi: 802.11ac
Bluetooth: Bluetooth 4.1
USB: 1 x HDMI, 2 x USB 2.0, 1 X USB-C

Um tablet com teclado ou um 2-em-1?

Preso com ímanes particularmente assertivos, o ecrã de 9.8 polegadas do Lenovo Miix 320 parece perfeitamente integrado no resto do equipamento, e poderíamos tomá-lo por um computador banal, coisa que não é. Dois encaixes bastante robustos prendem o ecrã ao teclado, permitindo que o desencaixemos facilmente com um puxão, após o que teremos um tablet de 10 polegadas puro e simples na mão.

O teclado é, de facto uma peça inerte até que lhe encaixamos o ecrã que fornece toda a electrónica, mas com um peso de cerca de 1.1Kg, o Miix 320 não é particularmente pesado com o ecrã aberto até 125º e não mostra tendência para tombar. Tampouco mostra tendência para abanar com a escrita normal, um comportamento surpreendente para uma dobradiça tão eficaz de simples que é.

lenovo-miix-320

Apesar da aparente robustez do Miix, fica aqui o alerta: o exterior é de plástico e tem tendência para se arranhar. No entanto o design é incrivelmente bem conseguido nesta gama de preço, com o módulo do teclado esguio e mais fino em direcção às margens, tal como o ecrã.

São linhas que não só acentuam quão compacto este equipamento é, como criam um look muito acima da sua gama de preço.

Experiência de utilização

  • Polivalência em destaque

O Lenovo Miix 320 é um dispositivo extremamente compacto, e não há como contornar isto: é melhor utilizado por mãos pequenas e olhos aguçados, coisas que só possuo no primeiro caso e apenas razoavelmente.

Com as minhas lacunas físicas, o Lenovo Miix 320 nem sempre foi fácil de utilizar; uma polegada extra teria sido ideal para os olhos e para o teclado, já que a percentagem de erros ao tentar escrever pode ser anormalmente alta, principalmente tendo em conta a colocação estranha do backspace.

lenovo-miix-320-1.jpg

O resultado é alguma fadiga com a utilização prolongada, reforçando a ideia de que este equipamento assenta muito bem a estudantes do secundário e profissionais em movimento que querem um equipamento básico para as tarefas urgentes. No entanto, a rigidez do teclado é adequada, e com alguma habituação podemos tirar grande partido dele. Há certamente uma grande segurança na leveza com que transportamos o Miix 320 na mochila, abrindo-o e começando a trabalhar rapidamente em qualquer momento que o exija.

Há uma palavra ainda a dizer sobre o Touchpad do Miix320. É grande. Tão grande quanto num equipamento de 14 polegadas e, com isso, os dedos movem-se mais facilmente, os comandos são mais exactos, ainda que o lado negativo seja que exista uma tendência para lhe tocar acidentalmente quando escrevemos.

  • Uma bateria que nunca nos abandona

A seu favor, o Miix 320 tem certamente uma disponibilidade de bateria louvável. Trabalhando várias horas por dia nele, o carregamento ao final do dia era quase pro forma para nada falhar no dia seguinte, não uma obrigatoriedade. Ao fim de algumas horas de trabalho parece simplesmente que podemos continuar a teclar sem qualquer tipo de preocupação.

O facto dos grandes componentes se encontrarem no ecrã funciona igualmente a favor do dispositivo, já que não sentimos o típico aquecimento sob a palma da mão e, sem ventoinhas, este é um dispositivo tão silencioso quanto imaginável.

  • Performance

Do lado da performance, estamos perante um equipamento básico. O Intel Atom a bordo é muito eficiente do ponto de vista energético e certamente ajudará à durabilidade da bateria, mas não autoriza luxos em termos de performance.

As prestações modestas observam-se desde o arranque que ainda demora alguns segundos, até à abertura de páginas web, que demorarão a carregar algo mais do que em equipamentos mais potentes. Expectável, de resto, e as páginas mais pesadas poderão mesmo apresentar solavancos visíveis. Com esta latência visível, os workaholics poderão sentir-se algo frustrados. Não será um equipamento para trabalhar em contra-relógio.

Para o gaming estaremos algo limitados. A gráfica integrada da Intel é capaz de jogar Modern Combat 5 com alguma agilidade, mas pouco mais. No geral, os jogos mais exigentes vão correr com algumas dificuldades.

Os editores de texto, sejam eles o Word ou os Google Docs, a interface WordPress ou Gmail, estarão perfeitamente à vontade aqui. O Miix 320 foi feito precisamente para este tipo de trabalho criativo e mostra-o.

Complementarmente, é importante destacar que os vídeos correrão bem em FHD. Programas como a NOS NPlay, no entanto, demoram o seu tempo a carregar e respondem com parcimónia. Aqui chegamos a um ponto de grande destaque:

  • Exímio tablet

Chegamos por isso a um ponto fundamental do Miix 320 e esse é o ecrã destacável. A facilidade da sua utilização é impecável: arrancar e encaixar sem esforço de maior, sem complicações, e as patilhas magnetizadas fazem o seu trabalho.

533595-lenovo-s-miix-320-2-in-1.jpg

Em modo tablet ficamos com um equipamento funcional e útil para multimédia e alguma leitura relaxada. O ecrã em si mesmo tem brilho razoável para uma utilização mais ou menos confortável à luz do dia e uma boa gama de cor, se bem que os ângulos de visão pudessem ser melhores. As características são extremamente louváveis quando estamos a ver um bom filme no sofá e acabamos por respeitar os tons e contrastes que o ecrã consegue sacar. Para visualizar filmes e vídeos, o ecrã do Miix 320 é um mimo por este preço.

Logo abaixo do ecrã temos ainda os altifalantes áudio. O Miix 320 inclui Dolby Surround, raro nesta gama de preço, e isso nota-se, com áudio volumoso capaz de aguentar algum stress sem começar a distorcer como um louco. Mais uma vez, inesperado nesta gama de preço.

Como tablet, o Miix 320 será dos melhores no mercado e já passamos por piores equipamentos pelo mesmo preço.

Conclusão

O Lenovo Miix 320 é um 2-em-1 Windows que oferece muito por surpreendentemente pouco. Se a sua performance é apreciavelmente modesta, a polivalência garantida pelo ecrã destacável e pelo teclado a ele acoplado é soberba: para compor documentos, trocar e-mails e levar a cabo os trabalhos escolares, o Miix 320 é uma excelente solução sem ser um peso real na mochila. Esta preocupação é tão maior quanto as crianças carregam hoje em dia material escolar demasiado pesado, pelo que a leveza do Miix 320 será um ponto muito importante para aqueles que procuram um computador escolar para os júniores lá de casa.

Lenovo-Miix-320-660x495.jpg

Para os utilizadores pouco exigentes que querem facilmente processar texto, o Miix oferece ainda a tremenda vantagem de aliar um teclado razoável, a este ecrã de boa qualidade que permite simplesmente esticar os pés, relaxar e usar um tablet perfeitamente completo.

REVIEW GERAL
Design e construção
7.5
Hardware
7
Bateria
10
Conectividade
8
Experiência de utilização
7.3
Performance
6.5
Relação qualidade-preço
8.5
COMPARTILHAR
Fotografia, tecnologia, ciência: investigar escrever é uma paixão. Nas horas vagas, a caminho do trabalho ou de casa, cada minuto conta para descobrir e divulgar algo novo.

DEIXE UMA RESPOSTA