Embora muitos utilizadores pensem seriamente na segurança dos seus smartphones, são os utilizadores empresariais aqueles a quem os ataques cibernéticos mais se dirigem, pelo potencial de obtenção de informações sensíveis a nível corporativo. O autor, trabalha num ambiente empresarial de segurança extremamente apertada de redes protegidas mas, como em muitos outros locais, os smartphones dos funcionários são sempre um potencial ponto de entrada de ameaças, por serem menos controlados e possuírem uma mobilidade superior aos equipamentos de trabalho. É neste ambiente que a SandBlast Mobile 3.0 quer prevenir ameaças em ambiente empresarial.

A SandBlast Mobile 3.0 permite às empresas passar para os seus dispositivos móveis o mesmo nível de segurança que geralmente implementam em equipamentos desktop e redes, prevenindo o comprometimento dos seus dados e contas via o comprometimento dos equipamentos móveis dos seus colaboradores sujeitos a ataques de phishing.

Segundo o Mobile Threat Defense Industry Assessment, a ferramenta SandBlast obteve a mais alta taxa de detecção de ameaças entre todas as soluções testadas, e detecta uma ampla gama de ameaças, incluindo as mais recentes, como cryptomining, ataques por SMS ou Bluetooth, malware zero-day, além do malware tradicional, vulnerabilidades dos sistemas operativos e phishing. A Check Point destaca ainda a capacidade da SandBlast de detectar e mitigar ameaças sem comprometer a performance ou experiência de utilização dos dispositivos.

As principais novidades na SandBlast Mobile 3.0 incluem:

  • Prevenir ataques de phishing em todas as aplicações
  • Prevenir a navegação em sites maliciosos onde os dispositivos podem ser infectados
  • Bloquear dispositivos infectados de enviar dados sensíveis através de botnets
  • Evitar dispositivos infectados de aceder a aplicações e dados da empresariais
  • Mitigar ameaças sem ter de depender da acção do utilizador ou de plataformas de gestão móveis

Para mais informações sobre a SandBlast Mobile 3.0, visitar: www.checkpoint.com/mobilesecurity

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here