Há vários meses que os mais atentos sabem que a Intel tem vindo a contratar engenheiros da Apple e AMD, numa clara tentativa de aumentar o seu know-how em placas gráficas, pressagiando-se o surgimento de gráficas Intel que querem competir directamente com AMD e NVIDIA. Mas, este mês, a Intel mudou para sempre a sua história em algo perfeitamente discreto: pela primeira vez, a Intel alinhou uma actualização às suas gráficas em alinhamento com o lançamento de uma actualização para o Windows e a chegada de novos jogos ao mercado.

As gráficas integradas Intel têm sempre recebido pouco respeito para o gaming, ainda que se encontrem pouco abaixo ou relativamente ao mesmo nível das NVIDIA e AMD de gama baixa. O problema não era exactamente o hardware – ainda que o pudesse ser – mas a postura da Intel quanto às actualizações. As gráficas integradas foram sempre vistas como uma necessidade para o processamento gráfico de qualquer sistema, mas sem foco no gaming, pelo que a Intel jamais se preocupou em lançar uma actualização das drivers que coincidisse com alguma actualização maior do Windows, ou com novos jogos.

Este último pormenor colocou a Intel claramente fora do campeonato para qualquer gamer, mesmo os de baixa exigência. Afinal, novos jogos podem sempre introduzir novas necessidades gráficas e a AMD e NVIDIA sempre colocaram drivers cá fora o mais rapidamente possível para resolver problemas com jogos novos, e para acompanhar as grandes actualizações do Windows.

Atempado e publicitado

Ora a Intel preocupou-se com isso pela primeira vez agora.

Logo após a última grande actualização do Windows 10, a Intel lançou as novas drivers v24.20.100.6025, com um changelog bastante extenso, que incluiu inúmeras correcções para bugs relacionados com jogos.

De modo ainda mais importante, pela primeira vez, a Intel considerou que uma actualização das gráficas era suficientemente importante para ser publicitada no Twitter, especificamente pela vice-presidente Lisa Pierce:

O que isto significa é que a Intel está, pela primeira vez, a criar awareness nos seus utilizadores, e a enviar um claro sinal aos gamers: a Intel já consegue lançar actualizações e fixes atempadamente e quando as Arctic Sound chegarem, os gamers poderão ter certeza de que o suporte será ao melhor nível.

 

COMPARTILHAR
Fotografia, tecnologia, ciência: investigar escrever é uma paixão. Nas horas vagas, a caminho do trabalho ou de casa, cada minuto conta para descobrir e divulgar algo novo.

DEIXE UMA RESPOSTA