K60, K60 Pro e K60E: são três os novos equipamentos da família Redmi K60 anunciados hoje, e cada um tem os seus argumentos, com o K60 Pro a levar o prémio de melhor e mais desmedido elemento dos novos equipamentos, graças a uma aposta pura e dura no desempenho.

Redmi K60 Pro

Digo-o porque encontramos no interior do K60 Pro o Snapdragon 8 Gen 2, um monstro de desempenho que promete ser domado com um sistema de arrefecimento por câmara de vapor com uma ampla área de 5000mm quadrados.

Os gráficos que este processador e a GPU associada pode debitar serão exibidos com grande detalhe no painel 2K de 6.67″, com taxa de atualização máxima de 120Hz e taxa de amostragem de toques de 480Hz. Já a autonomia para disto tudo tirarmos partido oferece 5000mAh com carregamento com fios de 120W e sem fios a 30W. Bastarão 19 minutos para carregar toda a unidade.

Do lado das câmaras fotográficas, a grande aposta é o Sony IMX800 com 50MP, estabilização ótica e eletrónica de imagem. No restante, o Redmi K60 Pro mantém-se firmemente na gama média com a ultragrande angular de 8MP, macro de 2MP e ainda uma unidade de 16MP para as selfies.

O Redmi K60 Pro estará disponível com diversas combinações de memórias, começando numa combinação de 8/128GB e indo até aos 12/512GB. A RAM é do tipo LPDDR5X enquanto o armazenamento se faz em memórias UFS 4.0..

Redmi K60

O segundo elemento da família Redmi K60 oferece muitas características semelhantes aos da versão Pro, mantendo os traços gerais e um ecrã de 6.67″ AMOLED QHD com 120Hz de taxa de atualização. A diferença mais óbvia é a saída do Snapdragon 8 Gen 1 e a entrada do Snapdragon 8+ Gen 1, evolução do Snapdragon 8 Gen 1 e que tem ao seu dispor a mesma solução de refrigeração de 5000mm quadrados e um desempenho ainda muito desportivo.

A bateria sobe para os 5500mAh, e traz também carregamento wireless a 30W com carregamento com fios de 67W.

O Redmi K60 afirma-se como um competente equipamento premium de gama média também nas câmaras, onde mantém as mesmas câmaras da versão Pro, exceto pela câmara de 50MP que dá lugar a uma de 64MP.

O Redmi K60 estará disponível com um máximo de 12GB de RAM LPDDR5X e 512GB de armazenamento UFS 4.0.

Redmi K60E

Chegamos então ao terceiro K60 e este é bem interessante, apesar de ser tecnicamente o mais contido. Só que traz excelentes argumentos para ser um cativante e equilibrado equipamento, onde o maior destaque é o MediaTek Dimensity 8200, processador muito recente que será perfeitamente capaz de oferecer um desempenho muito espevitado.

As grandes diferenças fazem-se nos detalhes, o ecrã tem agora 10 bits de cor em vez de 12 bits, mas poderá ser virtualmente indistinto do ecrã nos outros dois Redmi K60, já que mantém as mesmas dimensões e taxa de atualização de 120Hz. Já a bateria tem a mesma capacidade daquela no Redmi K60, mas mantém apenas o carregamento de 67W, abdicando do carregamento wireless.

Grades semelhanças também no departamento fotográfico onde a nova câmara principal tem agora 64, todas as restantes se mantendo iguais.

Quanto às memórias a bordo, são do tipo LPDDR5 para a RAM e UFS 3.1 para o armazenamento.

O mais barato dos três equipamentos é o Redmi K60E com um valor logo abaixo dos €300, com a versão mais modesta do Redmi K60 Pro a começar logo acima dos €450, mas tudo em valores equivalentes, sendo que neste momento ainda não temos previsão de preços e disponibilidade na Europa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here