No meio de alguns lançamentos muito interessantes por estes dias, e no rescaldo da CES 2021 com muitas novidades tecnológicas, a Huawei fez um lançamento discreto mas relativamente excitante, na forma do Nova 7 SE 5G.

Bom, excitante porquê? Porque, acossada ainda pelos EUA, a Huawei tem combatido com grande talento as restrições a que se vê submetida e, para o Nova 7 SE 5G LOHAS conseguiu fabricar um novo processador, na forma do Kirin 820E que se baseia muito no Kirin 820. Trata-se de um hexacore, portanto com 3 núcleos Cortex-A76 e três A55, fabricado em litografia de 7nm e, neste caso, acompanhado de 8GB de RAM e 128GB de armazenamento interno expansível.

A autonomia fica a cargo de uma bateria de 4000mAh com carregamento rápido de 40W. Entretanto, o ecrã é um IPS LCD de 6.5 polegadas FHD+, com uma perfuração no canto superior esquerdo para uma câmara de 16MP. Atrás, as câmaras incluem uma unidade principal de 64MP, uma ultragrande angular de 8MP e dois sensores de 2MP, um para macro, o outro para dados de profundidade.

As especificações do Nova 7 SE 5G LOHAS Edition são fundamentalmente as mesmas do Nova 7 SE 5G Vitality Edition, lançado no final de Outubro, mas com o Dimensity 800U. Com este pequeno refresh que surge depois de já ter lançado a família Nova 8, a Huawei continua a lançar novos smartphones, mantendo-se em funcionamento apesar das adversidades.

O Huawei Nova 7 SE 5G LOHAS Edition chega com Android 10.1 e EMUI 10.1, mas sem serviços Google.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here