Para uma marca que se fez grande com os smartphones, a Huawei faz uns excelentes portáteis que não devem qualquer inveja às marcas mais clássicas. Hoje, a Huawei apresentou em Portugal a nova geração do Huawei Matebook X Pro, o seu mais ambicioso portátil de nível profissional. O Matebook X Pro apresenta agora processadores Intel de 10ª geração, ultra portabilidade, mas também se configura como um pilar central do ecossistema que a Huawei constrói tão bem.

A aposta é forte do ponto de vista estilístico, oferecendo um chassis monobloco em alumínio que se destaca por um teclado de área bastante ampla para a superfície total do portátil e um trackpad igualmente expansivo para maximizar a comodidade dos utilizadores. É interessante que este portátil, como parece ser a regra nos equipamentos de gama alta, não exiba uma conectividade extraordinária, com apenas duas entradas USB-C e uma porta USB-A, além de um jack de áudio. No entanto, ao contrário da maior parte das suas concorrentes, a Huawei inclui na caixa um dongle que aumenta a conectividade com saídas HDMI, VGA e ainda uma USB-A extra.

O processamento é amplamente renovado, com Intel Core de 10ª geração até ao Intel Core i7-10510U acompanhado de até 16GB de RAM e armazenamento até 1TB SSD. Não ficou de fora uma gráfica NVIDIA GeForce MX250 com 2GB de memória e, como a marca realçou, este não é suposto ser um portátil de gaming, mas autorizará jogar um jogo com alguma genica e aguentar tarefas de alguma intensidade gráfica, como edição de vídeo e imagem.

O ecrã é uma peça extraordinária de 13 polegadas e resolução 3000×2000. A superfície ativa representa 91% da área total da superfície, graças a margens muito reduzidas. Por seu turno, estes rebordos mínimos deslocam a câmara principal mais uma vez para a peculiar posição entre as teclas de função do teclado.

A autonomia fica a cargo de uma bateria de 65W, capacidade suficiente para 15 horas de utilização e o ponto alto será mesmo a inclusão de um transformador de 65W capaz de carregar o portátil, mas também qualquer smartphone, já que carrega via cabo USB-C.

Ora, o segredo dos Matebook está no ecossistema que entregam às mãos do utilizador. No Matebook X Pro, tal como nos restantes Matebook, é um ápice partilhar o ecrã com um tablet ou smartphone Huawei e transferir ficheiros com a simplicidade com que se transferem documentos dentro do mesmo computador.

Finalmente, o Matebook X Pro chega com um elemento diferenciador muito forte: uma aposta tremenda no regresso às aulas, pensada numa segmentação muito bem conseguida dos diversos níveis de ensino. O pilar é a parceria com a Escola Virtual da Porto Editora, que oferece um ano de acesso a esta ferramenta que inclui manuais e conteúdos de ensino para os ensinos Básico e Secundário.

O Huawei Matebook X Pro chega a Portugal no dia 28 de Agosto por €1999. Mas os Matebook D, Matebook 14 e Matebook X Pro estão disponíveis também em bundles em campanha entre 20 de Agosto e 31 de Setembro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here