Foi lançada em mais de 90 países, incluindo Portugal, a nova grande atualização ao Windows 11 e que a Microsoft considera a mais segura e produtiva de sempre, apresentando novas ferramentas de acessibilidade, segurança e otimização da produtividade.

Assim, e começando precisamente por aí, é introduzida a nova funcionalidade de Foco, que ativa o “Não Incomodar”, silenciando as notificações e badges na barra de tarefas, enquanto um temporizador nos ajuda a controlar melhor o tempo.

Entretanto, entram em cena novas ferramentas de legendagem ao vivo para criação automática de legendas a partir de áudio, comandos por voz e ainda Natural Voice for Narrator, que capta o discurso de forma mais natural. As melhorias ao nível do discurso e áudio abordam as necessidades dos novos estilos de trabalho híbridos, com a necessidade de recorrentes reuniões e videoconferências, para as quais estão a bordo funcionalidades de filtragem do ruído de fundo, desfoque do plano traseiro para apenas o interlocutor ser visualizado, ou o enquadramento automático para manter a nossa face centrada na imagem.

O foco do trabalho não se esgota nas apostas de melhoria ao nível das câmaras e sistema de áudio. A Microsoft identificou que cada vez mais utilizadores utilizam o Windows para produção de conteúdos criativos, pelo que é integrado o Clipchamp para facilitar a edição de vídeos, enquanto as funcionalidades de Auto HDR e Variable Refresh Rate permitem melhorar a experiência de gaming através do Xbox Game Pass.

Claro que, transversal a toda a nova forma de trabalhar que implica maior conectividade a partir de qualquer local, streaming e conferências, há a questão da segurança. Quando a pandemia atingiu o seu auge, muitas organizações viram-se impreparadas para enfrentar os novos riscos e estratégias de ataque. A nova iteração do Windows 11 leva em consideração a aprendizagem dos últimos dois anos e introduz a Smart App Control que bloqueia apps maliciosas ou scripts, ajudando empresas que ainda não tenham implementado modern device management (MDM) como o Microsoft Intune. O Microsoft Defender SmartScreen identifica e alerta quando estão a introduzir as credenciais do utilizador numa aplicação maliciosa, e há ainda uma funcionalidade opcional de deteção de presença no Windows Hello for Business, para identificar quando o utilizador se aproxima e bloquear quando se afasta.

Entre as inúmeras melhorias, destacam-se:

  • Melhorias no File Explorer: a nova página inicial no File Explorer dá acesso rápido aos ficheiros favoritos e recentes, bem como localiza, facilmente, documentos importantes.
  • Aplicação de Fotos: introdução de uma nova experiência de gestão de fotos que simplifica a consulta e respetiva gestão.
  • Ações sugeridas: Copiar números de telefone, datas e obter outras sugestões, como fazer uma chamada via Teams ou Skype ou adicionar um evento na aplicação do Calendário.
  • Overflow na Barra de Tarefas: A barra de tarefas oferecerá um acesso para um menu overflow que permitirá visualizar todas as aplicações excessivas, num único espaço.
  • Partilha para mais dispositivos: Explorar e partilhar para mais dispositivos, incluindo desktops, utilizando a partilha nas proximidades.

A disponibilidade da atualização do Windows 11 já começou. Para mais informações consulte o seguinte post.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here