A atual situação pandémica mundial não tem facilitado o mercado dos smartphones, mas este continua mexido, com muita concorrência entre as principais marcas. Depois de ter perdido um histórico 1º lugar para a Huawei, a Samsung está novamente no topo, enquanto a Apple se viu ultrapassar pela Xiaomi.

A performance da Xiaomi é particularmente extraordinária, conseguindo subir 46% face ao período homólogo no ano transato, com que conseguiu superar a Apple e ficar no 3º lugar, depois da marca da maçã ver as suas vendas baixar 7%. É uma tendência que os novos iPhone poderão alterar, mas já nada retira este momento histórico à Xiaomi.

A Huawei manteve-se no segundo lugar, apesar da sua luta com as restrições impostas pela administração Trump e poderá sem dúvida alguma ser superada pela Xiaomi se nada se alterar. Do seu lado estão as vendas boas na China, com as marcas concorrentes no estrangeiro a não capturarem o momento pela estagnação do mercado em tempos pandémicos.

Finalmente, depois de no segundo trimestre a Samsung ter estado abaixo da Huawei, recupera o primeiro lugar com uma performance forte de recuperação de vendas.

Finalmente, há um gigante na sombra destas grandes marcas: o grupo BBK fica com os quinto, sexto e sétimo lugar das vendas com a Vivo, Oppo e Realme. Caso fossem combinadas, as suas vendas já teriam superado a própria Xiaomi.

Fonte: IDC

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here