As Fujifilm primam por um conjunto de características muito interessantes para fotógrafos entusiastas e profissionais, incluindo um design neoclássico robusto, compacto, e tecnologia de imagem muito própria. No entanto, com a nova X-T4, a Fujifilm leva as suas câmaras algo mais longe, com a inclusão de IBIS, ou estabilização de imagem interna, permitindo imagens muito mais nítidas, mesmo com exposições mais longas.

A abordagem da Fujifilm para conseguir integrar esta tecnologia útil num corpo compacto foi utilizar ímanes em vez de molas para permitir o movimento subtil do sensor, oferecendo até 6.5 stops de compensação com 18 objetivas, e 5 stops nas restantes objetivas de baioneta X, ao qual se poderá juntar estabilização eletrónica. O impacto será talvez maior nos videógrafos que podem agora filmar com muita maior estabilização, com um maior número de objetivas, e poderão fazê-lo com resolução 4K a 60fps, com possibilidade de gravação de F-Log a 10 bits.

De resto, a X-T4 parece pensada mais profundamente para vídeo que a sua antecessora, a X-T3, já que o selector inclui agora um modo para fotografia e outro para vídeo, permitindo separar predefinições e alternar entre modos de forma mais rápida. Para arranjar espaço para o novo IBIS, parece que a Fujifilm sacrificou o jack de 3.5mm para monitorização de áudio, mas esta função pode ser executada agora a partir da porta USB-C, oferecendo a marca um conversor para 3.5mm.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Se bem que o sensor X-Trans de 26MP é herdado da T3, a X-T4 parece incluir melhor autofoco de rastreio de olhos e objetos. Interessante para todos – mas mais uma vez ainda mais para os videógrafos – o LCD posicionável é agora totalmente articulável, e possui uma maior resolução de 1.62 milhões de pixéis. Quem preferir a ocular eletrónica tem ao seu dispor uma unidade de 3.69 milhões de pixéis com cobertura de 100% da imagem.

A câmara beneficia de velocidade máxima de obturação de 1/8000 (ou 1/32000 com obturador eletrónico), sendo que a marca nos diz que o obturador foi redesenhado e é agora 30% mais silencioso, além de ISO 160-12800 (expandido entre 80-51200).

 

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here