Os smartphones actuais não têm falta de capacidade, mas a verdade pura e dura é que inúmeros utilizadores não têm utilidade ou orçamento para dispositivos de gamas superiores. Aqui entra o Android Go pensado para os dispositivos fabricados com o mínimo indispensável e preços a condizer. Ora, se a Xiaomi já consegue colocar no mercado preços imbatíveis, quão barato será um Xiaomi Android Go?

Poderemos descobrir em breve, já que a marca certificou em Singapura um candidato na forma do Xiaomi Redmi Go.

O dispositivo deverá contar com um ecrã de 5.9 polegadas HD+, mas as restantes especificações são juízos informados: esperamos 1GB de RAM e um processador de gama de entrada.

Se a maioria dos dispositivos Android Go recorrem a uma versão stock do Android, essa regra não é universal e a Xiaomi poderá ir pelo caminho dos seus Android One, ou então fazer uma versão mais leve da MIUI.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here