Equinix, Inc. (Nasdaq: EQIX), empresa mundial de infraestrutura digital, acaba de reforçar o seu compromisso de redução do uso de energia em termos gerais, através da ampliação das margens operacionais de temperatura dos seus data centers – o que consiste no primeiro passo neste sentido dado por um operador de data center de colocation.

A partir deste momento, a Equinix começará a traçar um plano global a vários anos para definir as operações térmicas dentro dos seus data centers, com o propósito de conseguir uma refrigeração substancialmente mais eficiente e diminuir a pegada de carbono, disponibilizando ao mesmo tempo o ambiente operacional premium pelo qual a empresa é conhecida. Espera-se que, nos próximos tempos, esta iniciativa permita que milhares de clientes da Equinix possam reduzir as emissões de carbono de “escopo 3” associadas às suas operações de data center, num contexto em que a sustentabilidade da cadeia de fornecimento constitui uma parte cada vez mais importante das iniciativas ambientais do mundo dos negócios.

Os equipamentos de TI dos data centers, incluindo routers, servidores e armazenamento, atingem elevados níveis de temperatura, que requerem sistemas de refrigeração robustos para a remoção do calor. “A maioria dos data centers opera dentro de faixas restritas em termos de temperatura e humidade, o que resulta em ambientes desnecessariamente mais frios do que o requerido”, afirmou Rob Brothers, Program Vice President, Datacentre Services, IDC. “A Equinix irá trabalhar com as empresas, para mudar o modo como são definidas as temperaturas operacionais nos ambientes de data center, assim como sobre como o setor pode garantir níveis de serviço ideais para a infraestrutura digital crítica, melhorando a eficiência dos data centers. Com esta iniciativa, a Equinix vai desempenhar um papel fundamental como impulsionadora das mudanças no setor, ajudando a moldar a história geral da sustentabilidade na qual todos devemos participar.”

Como parceiro de longa data, temos o prazer de ver que a Equinix está a impulsionar a eficiência operacional dos data centers, através de práticas inteligentes e sustentáveis”, referiu, por seu turno, Sue Preston, Vice-president and General Manager, Advisory and Professional Services, Hewlett Packard Enterprise (HPE). “Otimizar as temperaturas dos data centers permite operações mais eficientes, beneficiando as empresas e o planeta. Através da aliança HPE Greenlake, a HPE e a Equinix oferecem uma solução abrangente, inteligente e sustentável para os clientes.

Através desta nova iniciativa, a Equinix prevê operar as suas instalações próximo dos 27° C, alinhando os limites operacionais do seu portfólio global de data centers com o padrão A1A da ASHRAE (American Society of Heating, Refrigerating and Air-Conditioning Engineers), que é universalmente aceite. Quando conjugada com as práticas atuais da Equinix – como a otimização do uso do ar exterior para ajudar a refrigerar os data centers – esta nova iniciativa contribuirá para a sustentabilidade geral dos data centers, proporcionando melhorias em termos de eficiência e do uso de energia medido em PUE (Power Usage Effectiveness – energia total utilizada por um data center, dividida pela energia usada para operar os equipamentos de TI dentro das instalações). A PUE representa o padrão da indústria em termos de eficiência energética dos data centers.

Os sistemas de refrigeração representam aproximadamente 25% do nosso consumo total de energia a nível global”, explicou Raouf Abdel, Executive Vice President, Global Operations for Equinix. “Com esta nova iniciativa, podemos ajustar, de forma inteligente, a temperatura dos data centers do mesmo modo que os consumidores o fazem em casa. Uma vez implementada no nosso portfólio global de data centers, ela poderá permitir melhorias de eficiência energética de até 10% em várias localizações.

Os data centers são críticos para a nossa vida diária, alojando os equipamentos e interligando os negócios que alimentam o mundo digital – desde as compras online, até ao envio de e-mails, passando pelo streaming de filmes, ou pelas chamadas de vídeo”, afirmou Jon Lin, Executive Vice-president and General Manager, Data Centre Services for Equinix. “Mais de 10.000 empresas dependem globalmente da infraestrutura digital da Equinix, que desempenha um papel crítico para as suas cadeias de fornecimento. Esta iniciativa de eficiência, uma vez implementada, tem o potencial de beneficiar significativamente estes negócios, ajudando a reduzir as emissões de carbono de escopo 3 na sua cadeia de fornecimento, de modo a cumprir as metas climáticas gerais. Trata-se de um passo importante no nosso programa abrangente de sustentabilidade e no nosso compromisso em termos de neutralidade climática.”

Factos em destaque

  • A Equinix foi a primeira empresa do setor dos data centers a comprometer-se com a neutralidade climática até 2030, alinhado-se com metas baseadas na ciência, para a redução das emissões nas suas operações globais e cadeia de suprimentos.
  • A Equinix assinou recentemente dois novos contratos de compra de energia (PPAs) na Finlândia, para a criação de novas fontes de energia renovável, elevando a sua capacidade total de energia renovável, sob contrato de longo prazo, a nível global, para aproximadamente 300 MW.
  • A cobertura de energia renovável da Equinix tem superado os 90% desde 2018. Em 2021, a empresa alcançou 95% de cobertura de energia renovável.

Recursos adicionais

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here