Já sabíamos que vinha a caminho, e hoje foi finalmente oficializado o retro Lenovo ThinkPad, uma mistura francamente fantástica de tecnologia moderna com a mística estética dos anos 90. Temos fundamentalmente um moderno ThinkPad T470 e, por esse motivo, não nos faltará nada em termos de especificações técnicas, mas as teclas coloridas, a TrackPoint vermelha e o esquema de teclas são mesmo uma viagem pela avenida das recordações.

Mas antes um pouco de história

A IBM tem hoje outros core business, mas tempos houve em que era obviamente “a” marca de computadores, ou não fosse a inventora do original Personal Computer e, durante duas décadas tínhamos os IBM ou os “clones” IBM compatíveis.

Uma das mais prestigiantes famílias de computadores IBM era precisamente a ThinkPad que remonta a 1990. Desenhado pelo designer Richard Sapper e desenvolvido na unidade de Yamato por Arimasa Naitoh, o ThinkPad original iniciou as vendas em 1992, ganhando rapidamente uma reputação de resistência e durabilidade que o levou para as missões espaciais da NASA, ou para as escavações arqueológicas no Egipto, numa das mais interessantes acções de marketing de sempre.

Diz a lenda que o design inicial era baseado nas marmitas Bento tradicionais Japonesas. A ideia era que o computador parecesse uma caixa e se revelasse em todas as suas capacidades apenas quando aberto. Talvez do melhor e mais engenhoso design industrial que possamos invocar em qualquer década.

thinkpad-original

Tradicionalmente pretos, os ThinkPad têm-se mantido robustos com construções de diferentes materiais, e são computadores com grande mercado empresarial e profissional. A Lenovo compraria a divisão de computadores da IBM em 2005 e desde então que tem vindo a desenvolver a gama a partir da base sólida criada pela IBM.

Retro futurista

No que diz respeito ao aspecto retro, o ThinkPad 25th Anniversary não podia incluir mais memórias (excepto uma drive de disquetes, suponho). Temos a clássica TrackPoint que foi uma inovação tremenda na altura, a o Enter azul ThinkVantage, cinco filas de teclas e o revestimento de borracha típico.

Mas depois temos todo o conforto da tecnologia moderna, incluindo portas USB-C, leitor de impressões digitais e saída HDMI.

O hardware é bastante interessante com uma gráfica NVIDIA GeForce 940MX, processador Intel Core i7-7500U, 16GB de RAM DDR4 e 512GB de armazenamento SSD. O ecrã é um FHD de 14polegadas.

Com estas especificações, não há como não nos lembrarmos que estamos no século XXI, ainda que o visual e a funcionalidade nos levem de volta para os anos 90, e isso é uma coisa boa.

A edição de aniversário do ThinkPad não será produzida em série e deverá ter uma disponibilidade limitada. O preço começa nos $1899.

 

DEIXE UMA RESPOSTA