O burburinho na Internet é cada vez mais intenso quanto à chegada iminente da conectividade 5G, com os primeiros smartphones e chegarem ao mercado já em 2019, embora tecnologia não deva disseminar-se razoavelmente antes de 2020. Mas, em todas as conversas, há sempre uma necessidade fundamental: um modem 5G disponível. E foi precisamente isso que a Samsung apresentou hoje.

O Exynos 5100 é o primeiro modem 5G oficialmente anunciado totalmente compatível com os padrões 3GPP. Fabricado numa litografia de 10nm, o Exynos 5100 suporta as redes 5G sub 6GHz e mmWave, com as quais pode obter velocidades de download de 2Gbps e 6Gbps, respectivamente, mas também oferece suporte para redes legacy como 2G GSM, 3G WCDMA, HSPA e 4G LTE.

A Samsung não está sozinha nesta corrida, mas apesar da Qualcomm também já ter anunciado o seu Snapdragon X50, este é um modem estritamente 5G que necessita de chips com conectividade já integrada para aceder a redes legacy. O Exynos 5100, pelo contrário, pode utilizar todos os padrões de rede autonomamente, o que permitirá a sua inclusão em chips de terceiros, que não necessitarão de complexificar o seu design com conectividade extra. Daí que possamos de facto considerar o Exynos 5100 o primeiro modem 5G multi-modo.

A Samsung indicou que o Exynos 5100 estará disponível para parceiros no final de 2018, o que tornará os smartphones 5G uma realidade a partir do início de 2019.

2 COMENTÁRIOS

  1. […] As restantes características do hardware destes dispositivos não são conhecidas, nem constam dos dados descobertos pelo XDA. As possibilidades são por isso poucas e todos os modelos deverão ser equipados, ora com o Exynos 9820 ou o Snapdragon 855 (ou 8150), embora a possibilidade exista para a versão “beyond 0” ser equipada com um processador menos imponente, se a Samsung seguir as passadas da sua concorrência. Quanto à versão 5G, não existe qualquer informação sobre que processador terá, e nesse caso tanto poderá chegar com o modem Qualcomm Snapdragon X50 ou o Exynos 5100. […]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here