A MediaTek tem no seu currículo a aposta nos processadores tri-cluster, uns bons anos antes da tecnologia DinamIQ da ARM ter chegado ao mercado. Por isso, e por um conjunto de falhas estratégicas, os Helio X foram colossais fracassos de mercado, mas a MediaTek está a recuperar com as novas gerações de Helio P, capazes de mobilizar performance e baixo custo, com especificações modernas. O mais recente Helio a ser confirmado é o Helio P90 e a MediaTek parece orgulhosa do seu chip.

Com o Helio P70 acabado de chegar ao mercado com o Realme U1 e o Helio P80 já bem rodado na fábrica internacional de rumores e fugas de informação, a MediaTek oficializou hoje a existência dos Helio P90, embora sem revelar as especificações técnicas.

A tagline da MediaTek é “This Chip Changes Everything”, ou este chip muda tudo, embora não saibamos bem o quê. Para lá da potência e eficiência, a MediaTek indica que o Helio P90 possui inteligência artificial sem precedentes. Recentemente, o Helio P80 destacou-se num benchmark destinado a avaliar as suas capacidades em tarefas AI, ficando atrás somente do ainda por oficializar Snapdragon 8150.

Agora, a empresa responsável pelo benchmark indica que o P80 é afinal o P90, e mantém uma pontuação excepcional que se destaca face a uma concorrência nada fácil. São boas indicações para as capacidades deste chip numa era de reconhecimento de imagens e selfies!

 

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here